NOTÍCIAS


Veja como fica o tempo nesta quarta-feira, 14

O clima firme volta a predominar no Sul, favorecendo geadas; já o extremo norte e os litorais do Sudeste e Nordeste têm chances de chuva

August 13, 2019 13:53  |  Redação - Canal Rural
Erva mate após geada

Canal Rural, com informações da Somar Meteorologia

Sul

Ainda chove do litoral norte do Rio Grande do Sul a Curitiba (PR), de forma fraca e intermitente. O tempo fica fechado e as temperaturas não sobem. 

Enquanto isso, na maior parte da região, o clima firme volta a predominar devido ao avanço de uma massa de ar seco e frio. Isso dá condições para geada em todo o Rio Grande do Sul e Santa Catarina, exceto no litoral.

Já no Paraná, se gear, será somente no pontos mais altos do planalto. No interior do estado, o dia será de sol entre poucas nuvens.

Sudeste

A frente fria avança para o sul da Bahia, mas ainda favorece o tempo encoberto e chuvoso no litoral sul de São Paulo, faixa leste e sul paulista, Rio de Janeiro, Espírito Santo, sul de Minas Gerais e Zona da Mata mineira. A chuva ganha intensidade na costa carioca. 

Nas demais áreas, o tempo firme segue predominando. A temperatura continua caindo em toda a região, em especial em São Paulo. O aumento de nebulosidade não permite a elevação das temperaturas máximas.

Centro-Oeste

O tempo firme predomina. Com relação às temperaturas, o calorão dá trégua, especialmente de Mato Grosso do Sul ao sul de Mato Grosso, mas está longe de fazer frio na região.

Nordeste

A nebulosidade aumenta e o dia fica parcialmente encoberto do litoral sul da Bahia a João Pessoa (PB). A precipitação acontece de forma intermitente e com baixos acumulados. Mas há exceções, como na costa de Pernambuco e da Paraíba. Volta a chover também no Ceará e litoral do Piauí, mas em forma de pancadas isoladas. 

Tempo seco, ensolarado e quente no interior da região.

Norte

Quarta-feira de tempo seco na faixa sul enquanto que pancadas de chuva ocorrem na metade. Uma frente fria que passa pelo país favorece a intensificação dos ventos em Rondônia e Acre e leve queda das temperaturas, sobretudo nesses dois estados.